A Academia de Música Lorenzo Fernândez é uma Escola de Música sem Fins Lucrativos, de Utilidade Pública Federal, Estadual e Municipal. Fundada em 23/04/1953, fruto do idealismo da Profª Helena Lorenzo Fernândez , acompanhada de um seletíssimo grupo de Mestres da Arte Musical, entre eles: Profª Ilâra G. Grosso, Prof. Eurico Nogueira França, Prof. Luiz Amabile, Prof. Arnaldo Estrella, Profª Ecléa Ribeiro, Profª Christina Maristany, Profª Mariuccia Iacovino, Profª Paulina D’Ambrosio, Prof. Iberê Gomes Grosso, Alceo Bocchino e muitos outros. Sua inauguração ocorreu em 28/05/1953, em solenidade presidida pelo então Vice-Presidente da República, João Café Filho. Logo depois, obteve o reconhecimento de duas importantes Instituições: a Academia Santa Cecília de Roma (Itália) e a Academia de Música de Viena (Áustria).

Sede: Rua da Lapa, 120 – 7º andar – Centro – Rio de Janeiro – RJ
CEP: 20021-180
Tel: (21) 2221-7109
e-mail: academialorenzofernandez@gmail.com
 

 

OBJETIVOS

O ensino da música, principalmente, no sentido da profissionalização;
A adoção de novos processos pedagógicos quando estes, comprovadamente, trazem benefícios ao Ensino;
A valorização da música brasileira no contexto da música universal;
A realização de seminários, palestras, recitais, concertos de câmara e concursos competitivos entre os educandos.

Ensino Oficial

a) Nível Superior – Obteve o Reconhecimento Federal de seus Cursos de Nível Superior em 1955, ministrados até 1984.

Na Academia de Música Lorenzo Fernândez, bacharelaram-se, em 29 anos de atividades em Nível Superior, um grande número de professores e pianistas laureados em Concursos Nacionais e Internacionais, entre eles: Joel Bello Soares, hoje aposentado como Professor de Piano da Universidade de Brasília (UNB), Vera Astrachan, Luiz Medalha Filho, Luiz de Moura Castro, Professor de Piano nos Estados Unidos, Fernando Corvisier, Professor de Piano da Universidade de São Paulo (USP), Luiz Henrique Senise, Professor de Piano da Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Alfredo Colosimo, célebre Tenor, Professor de Canto Lírico da Academia de Música Lorenzo Fernândez por 46 anos, falecido ainda recentemente e muitos outros nomes de relevo quer no magistério, quer no mundo artístico.

 

Fachada do Edifício Norte-Sul, onde funciona, no 7º andar, a Academia Lorenzo Fernândez

 
 

b) Nível Médio – O Ensino de Nível Médio da Academia de Música Lorenzo Fernândez foi autorizado e reconhecido em 1965 pelo Departamento de Educação Média e Superior, da Secretaria de Educação e Cultura do então Estado da Guanabara.

Hoje o Curso de Nível Médio da Academia de Música Lorenzo Fernândez, autorizado e reconhecido pela Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro está incluso na Área de Artes com Habilitação de Técnico em Instrumento, Canto ou Regência de Côro (Profissionalizante), com duração de três anos, cujos Diplomas tem validade em todo o Território Nacional. Á guisa de informação constatamos que, de acordo com o Livro de Registro da Instituição, 165 alunos concluíram o Curso de Nível Médio Técnico entre 1990 e 2009.

Ressaltamos que inúmeros diplomados no Curso Técnico (Profissionalizante), da Academia de Música Lorenzo Fernândez têm ingressado nas Faculdades de Música de todo o País e até mesmo no Exterior. Podemos afirmar que, ao longo do tempo, a eficiência do ensino ministrado pelos professores da AMLF faz-se representar pelo sucesso obtido por seus ex-alunos. Citamos aqui apenas 06 (seis) :

1) Danilo Machado Martins - Aluno de Percussão, da Classe do Prof. Eliseu Costa, recém aprovado entre as quatro vagas existentes, por Concurso, para a Banda Sinfônica do Corpo de Fuzileiros Navais.

2) Leonardo Santos - Fez o Curso de Nível Médio (Técnico Profissionalizante da Academia), sendo também aluno do Prof. Lupércio Gomes. Concluiu o Curso de Bacharel em Música com Habilitação em Piano pela UFRJ, recebendo, após, bolsa de estudos para os Estados Unidos onde fez Mestrado em Música com especialização em Piano Performance – University of Louisville e Mestrado em Música com especialização em Pedagogia do Piano – Campbells University, atuando como Professor Assistente da University of Louisville – Music School (2007-2009) e Pianista em Campsbells University com atividades voltadas para a música Sacra e Música de Câmara.

3) Wellington Moura (Trompete) – Classificado em 1º lugar para o Festival de Música de Campos do Jordão em 2008 e 2009 e, também, para o Festival de Música ( Alemanha), e 1º lugar para Orquestra Sinfônica Brasileira Jovem e Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro ( iniciou seus estudos com o Prof. Ozéas Cardoso que o transferiu para o Prof. João Carlos dos Santos).

4) Breno Quinderé Moura Teixeira de Azevedo – Concluiu o Curso de Licenciatura em Música na UNI –RIO em 2009. Ganhou, recentemente uma bolsa de estudos em Música Antiga na Suiça.

5) Jediael Keitel Soares – Aprovado em 2009 para o Curso de Sargento Músico da Marinha de Guerra Brasileira( vaga única para todo o Brasil). Curso Livre de Percussão da Classe do Prof. Eliseu Moreira Costa.

6) Destaque especial para o Tenor Fernando Portari, que iniciou seus estudos com o próprio pai, Prof. Pedro Portari, tendo também, naquela ocasião, aulas com o Prof. Alfredo Colosimo. Portari, que tem brilhado nos palcos operísticos do mundo, foi há poucos dias aplaudidíssimo pela platéia do celebre Teatro Scala de Milão, substituindo o Tenor Marcello Giordani.

 

Ensino Livre
A Academia de Música Lorenzo Fernândez oferece uma grande variedade de Cursos Livres, abrangendo as áreas instrumental, vocal e teórica.

 

Fernando Portari em A Tempestade, de Ronaldo Miranda


|   PRINCIPAL   |   CURSOS   |  NOTÍCIAS   |   FOTOS   |   CONTATO   |